Pesquise aqui...
TOP
Uncategorized

Na linha d’água dos olhos: Lápis preto ou branco?

Lápis preto X Lápis Branco. O mais escuro sempre usado, quase pode ser dito como primeiro item de maquiagem de toda necessaire. Já o mais claro, é mais utilizado por quem realmente gosta e entende de maquiagem. Os mais leigos, normalmente, não dão muita atenção a ele, acham que é um item dispensável. Apesar de fazer parte da turma que gosta de maquiagem e sabe a função do lápis branco, eu o uso muito pouco. Quando quero usar algum lápis nos olhos, prefiro o preto, bem esfumado, com uma pegada mais rocker. Gosto de olhos dramáticos e só uso a cor branca na minha linha d’água quando o visual pede algo um pouco menos carregado, apesar do tom também chamar atenção.
Quando colocamos esse “disputa” entre as cores, sempre dizemos que o lápis branco serve para abrir o olhar, assim como o bege, e o preto deixa os olhos menores. Na verdade é isso mesmo que eles fazem. Também sempre ouvimos falar que quem tem os olhos pequenos deve fugir da cor mais escura e apostar na mais clara, e vice-versa. Mas aqui, cá entre nós, vocês conseguem ver diferença na aplicação dos dois produtos? O lápis branco aumenta mesmo os olhos ou é mito? E o preto, será que diminui?

Eu vejo bastante diferença, sério! O lápis preto diminui sim os olhos e os deixam bem mais intensos, mais misteriosos. Também conseguem deixar a maquiagem mais carregada. Ao contrário do branco que, apesar de também chamar atenção, parece deixar o visual um pouco menos pesado e abre mais o olhar. Percebem que na segunda foto parece que meu olho está bem mais aberto? Gosto deste efeito, mas não é o meu favorito. Como disse acima, gosto da intensidade da cor preta e da forma com que ela molda mais os olhos, os deixam com um formato bem definido. E ela também é a minha preferida por combinar praticamente com todo tipo de maquiagem. O lápis branco, em um visual todo preto, por exemplo, pode criar um contraste estranho. Aí é legal, talvez, optar pelo bege/nude, que faz mais ou menos o mesmo efeito, só que de forma bem natural, quase imperceptível.

E vocês, o que acham? As cores dão mesmo efeito diferente ou é tudo balela? 

Karla Lopes

Karla Lopes tem 29 anos, é de Belo Horizonte, empresária, jornalista e criadora de conteúdo atuando há 12 anos na internet. Além disso, é a criadora da Lunnare Co., marca de autocuidado holístico que trabalha a magia das ervas. Por aqui, vocês vão encontrar conteúdos autorais de comportamento, bem estar, espiritualidade e beleza. Tem experiência com comunicação criativa, textos de comportamento, produção de moda e cultura e também criação e edição de vídeos para a web.

«

»

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *