Pesquise aqui...
TOP
Uncategorized

Creeper ou creepy?

Sai ano, entra ano e o mundo da moda ta aí, tacando tendências pra gente decidir o que fazer com elas. Ano passado, os sneakers de salto apareceram, dominaram e agora acho vão dar um tempo (Espero!!). Em 2013, um outro sapato duvidoso já está pensando em se encaixar nas prateleiras das lojas e no gosto das mulheres: o creeper!  
Os creepers foram criados para os soldados usarem na Segunda Guerra Mundial. Os sapatos eram de camurça e tinha o solado reto e grosso feito de borracha, perfeito para aguentar as condições enfrentadas na época. Anos depois, os creepers foram popularizados e passaram a fazer parte dos visuais dos estilos punk e grounge. 
Agora, em 2013, os creepers voltaram por causa do estilista da Chanel, Karl Lagerfeld, que usou o sapato no desfile pré primavera-verão 2013 da grife. Depois disso, começaram a pipocar várias famosas usando o calçado e as marcas também começaram a investir na tendência. Afinal, praticamente tudo que a Chanel toca vira ‘ouro’. Lembram dos clogs? Foi por causa do Karl que eles também voltaram há uns anos. 
Acima, algumas das marcas que já incluíram os creepers em suas coleções. Bom ver que elas estão fazendo opções variadas de estampas e que algumas estão deixando-o mais feminino, já que é um calçado bem  pesado e masculinizado. O que caracteriza é esse solado de borracha, sem ele, o creeper se transformaria num tênis normal. Olha esse da Dakota, solado bem altão, né? 
Bom, eu ainda não sei dizer se os creepers vão pegar ou não. Acho que é um sapato que não é muito a cara do Brasil, mas vamos ver, né… O que vocês acham? Pega ou não pega? Gostaram do creeper ou acharam o calçado creepy? 
Fotos: Pinterest/Divulgação
TAGS:,

Karla Lopes

Karla Lopes tem 29 anos, é de Belo Horizonte, empresária, jornalista e criadora de conteúdo atuando há 12 anos na internet. Além disso, é a criadora da Lunnare Co., marca de autocuidado holístico que trabalha a magia das ervas. Por aqui, vocês vão encontrar conteúdos autorais de comportamento, bem estar, espiritualidade e beleza. Tem experiência com comunicação criativa, textos de comportamento, produção de moda e cultura e também criação e edição de vídeos para a web.

«

»

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *