Pesquise aqui...
TOP
Uncategorized

A saia de uma dama

Quem acompanha sites de estilo de rua já deve ter percebido qual é comprimento de saia que está mais sendo usado no momento. É o midi, em que o tecido fica um ou dois palmos abaixo do joelho. Conversando com minha avó, ela me contou que este tipo de saia era muito usado quando ela era mais nova, lá nos anos 40/50. Legal como essa coisa de tendência na moda vai e volta o tempo todo, né? 
A brincadeira do título é que quando vejo a saia me lembro muito do estilo lady like, que tem referências bem românticas, vintage e ultra femininas. Para quem pensa que a peça só pode ser usada por pessoas mais velhas, essa volta dela na moda veio mostrar como a saia combina com visuais moderninhos também.
A estrutura da saia midi geralmente é mais levinha, fazendo o estilo A, que é apertada na cintura e vai se abrindo até a barra no formato da letra. Há que use um tecido mais pesado para fazê-las também. Eu não gosto muito. Prefiro o tecido leve, bem solto e plissado, se possível. 
As meninas que são baixinhas têm um pouco de receio em usar a peça porque ela achata bastante a silhueta. Mas aí que vem o truque: se você usá-la com um salto alto, de preferência no tom da sua pele, e que deixa o peito do pé livre, não vai se sentir mais baixa. O acessório ajuda a alongar as pernas e quebrar um pouco essa característica da saia. 
Legal também é a facilidade de combiná-la. Dá para usar com camisetas simples, camisas, top croppeds, moletons, blusas básicas, enfim, é uma peça que faz o visual sozinha e que precisa de poucos complementos. Um bom cinto é o suficiente, obrigada.
Mesmo com a peça bem evidência na gringa, aqui no Brasil eu não sei se ela pega. Brasileira não costuma gostar do meio termo. Ou a peça é longa ou é curta. Comigo é diferente. Eu gosto muito da saia midi e estou a procura de uma para mim. É uma roupa muito elegante, que você pode vestir em qualquer ocasião – mesmo. 
Vai querer se sentir uma dama dos anos 40 em pleno século XXI ou dispensa a saia midi? Eu quero!
Imagens: Pinterest/Divulgação
TAGS:

Karla Lopes

Karla Lopes tem 29 anos, é de Belo Horizonte, empresária, jornalista e criadora de conteúdo atuando há 12 anos na internet. Além disso, é a criadora da Lunnare Co., marca de autocuidado holístico que trabalha a magia das ervas. Por aqui, vocês vão encontrar conteúdos autorais de comportamento, bem estar, espiritualidade e beleza. Tem experiência com comunicação criativa, textos de comportamento, produção de moda e cultura e também criação e edição de vídeos para a web.

«

»

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *