Pesquise aqui...
TOP
Comportamento Lifestyle

A coragem de ser imperfeito

Eu sou apaixonada pelo TED da Brené Brown sobre vulnerabilidade. Ja assisti algumas vezes e sempre fico impressionada com a capacidade dessa mulher em falar sobre um assunto que a maioria de nós evita. Hoje estou lendo o livro dela, A Coragem De Ser Imperfeito, com um olhar mais clínico – talvez seja por isso que ele tenha ficado tanto tempo guardado desde que a minha terapeuta me passou a leitura como dever de casa.

Usando aqui o famigerado ~quem me conhece sabe~, eu sou uma pessoa que vive refém do medo de estar vulnerável, especialmente em trabalho e relacionamentos. O primeiro eu já vejo um avanço gigantesco, já o segundo percebo um retrocesso que me frustra muito. Quando minha terapeuta mandou eu ler esse livro, ela praticamente me implorou para deixar minhas amarras e traumas de lado para que eu fizesse dessa leitura uma paralelo da minha vida.

E, nossa, como foi difícil no começo. Ainda estou na metade do livro, mas sinto que vou precisar ler essas páginas mais uma vez para digerir tudo que ele está me trazendo em relação aos tratamentos que estou fazendo. Pra mim, neste momento tratar a vulnerabilidade é tratar o medo. Então acaba que eu fico numa sinuca de bico sem saber muito bem o que fazer, como fazer e, mais, com muito MEDO de fazer. É uma loucura!

Me marcou muito logo no comecinho quando ela diz que o medo de estar vulnerável é um isolamento em relação à vida. Não estava nem na página 10 e já tinha chorado horrores. Me veio um tanto de coisa à cabeça!

Motivações e recortes sociais à parte, já tentei lidar com esse medo de todas as formas que vocês podem imaginar, de pai de santo ao Thetahealing, mas já cheguei naquele ponto de entender que a questão tem que partir de mim primeiro. Tenho dado pequenos passos e mesmo que me encontre completamente apavorada em alguns deles, já sinto mínimos resultados que fazem parte dessa construção da sonhada melhora. Que ela chegue e eu passar voltar a ler este livro sem me identificar tanto com as questões dele, não é mesmo? 💐

Você já leu? Ficou tão mexida assim? ✨

Karla Lopes

Karla Lopes tem 29 anos, é de Belo Horizonte, empresária, jornalista e criadora de conteúdo atuando há 12 anos na internet. Além disso, é a criadora da Lunnare Co., marca de autocuidado holístico que trabalha a magia das ervas. Por aqui, vocês vão encontrar conteúdos autorais de comportamento, bem estar, espiritualidade e beleza. Tem experiência com comunicação criativa, textos de comportamento, produção de moda e cultura e também criação e edição de vídeos para a web.

«

»

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *